Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, março 26, 2010

SUGESTÕES DE ATIVIDADES PARA PROFESSORES DE PORTUGUÊS...


Simbá e o pássaro Roca


Disciplina Língua Portuguesa
Aluno(a)____________________________________



Simbá e o pássaro Roca

A história acontece há mais de mil anos... Simbá era filho de um rico comerciante da Pércia e morava
em Bagdá.
Quando seu pai
morreu, ele herdou uma grande fortuna. Mas logo gastou todo o dinheiro em banquetes e festas e, quando se deu conta, estava sem nenhum tostão. Então, Simbá começou uma vida de grandes aventuras marítimas, em que conheceu reinos riquíssimos e criaturas assombrosas.
Em uma dessas viagens, Simbá distraiu-se e não embarcou. Quando foi ver... o navio já estava longe.
Simbá saiu gritando pelos companheiros, mas não obteve resposta. Então, deu-se conta da tragédia: o navio já estava longe, no horizonte, e ele ficara sozinho na ilha.
Desesperado, ele gritou, acenou, bateu na cabeça e jogou-se no chão, chorando.
- Como sou estúpido! Estava tão bem
em minha casa, em Bagdá. Como é que resolvi meter-me em uma complicação dessas?
Quando cansou de se lamentar, decidiu explorar o local. Percorreu toda à volta da ilha. Por fim, subiu em uma árvore bem alta e examinou o horizonte. Nenhuma outra terra ou navio, somente água e céu. Examinou melhor a ilha e acabou vendo uma coisa diferente. Ao longe, no meio de um descampado, havia uma mancha branca.
Simbá desceu da árvore e seguiu naquela direção. Ao se aproximar, viu que se tratava de uma grande bola branca. Era toda lisa e tinha várias vezes a sua altura. “Quem terá construído isso aqui, e para quê?, perguntou-se. “Deve ter alguma porta.”
Rodeou a construção e não viu porta alguma. Deu outra volta, para medi-la. Tinha cerca de cinqüenta passos de circunferência. Tentou escala-la, mas não conseguiu, pois a superfície da parede era escorregadia.
Parou para pensar no que fazer. Naquele momento, uma espécie de nuvem escondeu o sol. Ele olhou para cima e ficou assombrado com o que viu. Era um pássaro gigantesco que vinha voando
em sua direção.
Na mesma
hora, lembrou-se de histórias que tinha ouvido dos marinheiros. Eles garantiam que naquela região vivia um grande pássaro, que chamavam de Roca. Simbá compreendeu, então, o que estava acontecendo.
“Estou no ninho desse monstro voador”, pensou. “Essa grande bola é um ovo. Ele agora está vindo para chocá-lo.”


“As Mil e Uma Noites” – versão de Galland, apresentação de Malba Tahan. Ediouro.

1.Qual a situação de Simbá no início do texto?
.......................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

2.Qual a reação se Simbá ao ver o navio longe?
.......................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

3.O que fez depois que se acalmou?
..........................................................................................................................................................................................................................................................................................

4.Depois de subir em uma árvore, que coisa Simbá viu ao longe e que chamou muito sua atenção?
..........................................................................................................................................................................................................................................................................................

5.Chegando perto do estranho objeto, o que percebeu Simbá?
..........................................................................................................................................................................................................................................................................................

6.E o que pensou Simbá?
..........................................................................................................................................................................................................................................................................................

7.Enquanto Simbá pensava no que fazer, algo de surpreendente aconteceu. O que foi?
.......................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

8.Nesse momento, do que se lembrou Simbá?
..........................................................................................................................................................................................................................................................................................

9.Retire do texto 10 verbos.
..........................................................................................................................................................................................................................................................................................

10.Dê o tempo , a pessoa e o número do verbo.

a) Se a senhora pudesse ficar com eles enquanto eu desfilo.
...............................................................................................
b) Minhas amigas ficariam loucas de inveja.
...............................................................................................
c) Todo ano eu lhe fazia uma festa.
...............................................................................................
d) Tratou, sim senhora.
..............................................................................................
e) Nós brincamos o dia todo.
.............................................................................................
f) Ana não fala mais nada.
.............................................................................................



11.Identifique a conjugação a que pertence o verbo.

a) Eles foram cantar
em outra freguesia. ............................................................................................
b) Paula não quer dever nada a ninguém.
............................................................................................
c) Tudo que ele fez foi partir.
...........................................................................................
d) O menino não pretende dividir o doce com ninguém.
..........................................................................................

Modelo de avaliação(5)

Colégio Estadual  AURÉLIO PIRES
Aluno(a)_________________________________________ Série 8º Data: ___/___/___

1. Classifique o sujeito das orações em: simples, composto, oculto e indeterminado.
a) Acabamos o serviço. _____________________________________________
b) Necessita-se de mais provas. _______________________________________
c) Trouxeste as encomendas? _________________________________________
d) Ocorreu uma grande confusão. ______________________________________
e) Pais e filhos devem conversar. ______________________________________

2. Classifique o predicado das orações em: verbal ou nominal:
a) Aconteceram alguns problemas durante a viagem. ________________________
b) A chuva era forte. _________________________________________________
c) A viagem deve ter sido empolgante. ___________________________________
d) Ocorreu-me uma idéia. _____________________________________________
e) Mandaram arrancar os trilhos da ferrovia. ______________________________

3. Sublinhe o verbo e classifique-o em: Intransitivo, Transitivo direto ou Transitivo indireto.
a) Quem está falando?_________________________________________________
b) Certos mosquitos transmitem doenças. _________________________________
c) Necessitamos de investimentos na saúde. _______________________________
d) Vários alunos faltaram hoje. _________________________________________
e) Esse poema canta as glórias do povo português. __________________________

4. Siga a orientação:
a) Separe as orações.
b) Circule os verbos.
c) Classifique as orações subordinadas substantivas: subjetiva, completiva nominal, objetiva direta, objetiva indireta.

4.1. Pela minha cabeça passavam, às pressas, os sucessos do dia.
4.2. Na hora de dormir foi que senti de verdade a ausência de minha mãe.
4.3. Sempre estava comigo, era a me beijar, a me contar histórias.
4.4. Aposto como você se sairá bem nos exames.

Luzir

Colégio Estadual  AURÉLIO PIRES
Aluno(a)___________________________________________/___/___

Luzir
Deixa crescer o amor.
Olhar o amor que cresce.
Pegar então o amor,
Esse balão,
Subir com ele até
Bater a cabeça no céu.
Agora, soltar o amor,
Deixar subir o amor,
Subir sozinho.
1. Transforme o poema, alterando os verbos que estão no infinitivo para o futuro do presente na primeira pessoa do singular.
2. Retire do texto o verbo que não se encontra no infinitivo e classifique-o.
3. Para nós, tanto ......... vocês ....... ficar aqui como ......... a fronteira.
a) faria – quisessem – transporem
b) faz – quererem – transpossem
c) faz – quererem – transporem
d) faria – quiserem – transporem
4. Agora, soltaríamos o amor. O verbo destacado encontra-se na:
a) 1ª pessoa do singular do presente do Indicativo.
b) 1ª pessoa do plural do futuro do pretérito do Indicativo.
c) 3ª pessoa do plural do pretérito imperfeito do Indicativo.
d) 3ª pessoa do plural do plural do pretérito mais-que-perfeito.
5. Escolha um verbo do texto e conjugue no pretérito perfeito do modo indicativo



Nenhum comentário: